Início » Artigos Velho » A Gestão Sustentável nas Empresas

A Gestão Sustentável nas Empresas

            Sustentabilidade é uma das palavras mais utilizadas quando se fala em gestão nos dias atuais. Em todos os setores, seja no meio ambiente, na economia, educação ou administração pública, todo mundo cita o termo sustentabilidade. O seu conceito está relacionado ao termo “desenvolvimento sustentável” e foi primeiramente usado em 1987 pela Comissão Mundial do Meio Ambiente e Desenvolvimento das Nações Unidas que definiu o conceito como: “Desenvolvimento sustentável significa suprir as necessidades do presente sem comprometer a capacidade das gerações futuras de atender às suas necessidades”.

            Além disso, a sustentabilidade é um conceito sistêmico, que correlaciona e integra aspectos econômicos, sociais, culturais e ambientais da sociedade. Em outras palavras, trabalhar o tema sustentabilidade requer um olhar mais holístico, que atue conjuntamente em diversas vertentes e variáveis.

            E como as empresas se engajam neste conceito?

            Como parte integrante da sociedade, nossas organizações não podem ficar alheios a uma gestão sustentável e responsável. Para isto, todas atividades desempenhadas por elas desempenhadas devem ser orientadas para a geração de valor econômico-financeiro, ética, social e ambiental, cujos resultados são compartilhados com todos os públicos afetados ou que afetam as nossas atividades. E a lista destes públicos numa empresa é grande: clientes, acionistas, colaboradores, fornecedores, sociedade, entidades públicas e outros. Os produtos e serviços prestados devem ser organizados de modo a reduzir continuamente o consumo de bens naturais e de serviços ecossistêmicos, e conferir competitividade e continuidade à própria atividade e a promover e manter o desenvolvimento sustentável da sociedade.

            A falta de conhecimento sobre sustentabilidade e ao que isto implica, pode ter consequências catastróficas. Nos dias de hoje é preciso que não só cada indivíduo tenha a consciência de que é necessário, mas também as organizações, preocupando-se no cuidado com o meio ambiente no qual se vive. Nas empresas, mesmo aquelas de menor porte, é preciso estar atento a cada atitude e repensar a forma como se vive dentro deste ambiente.

            Mais recentemente, uma ação caracterizada pela sigla em inglês ESG ( “environmental, social and governance”  – ambiental, social e governança, emportuguês) está sendo usada para dizer o quanto um negócio busca formas de minimizar seus impactos no meio ambiente, construir um mundo mais justo e responsável para as pessoas.  em sem entorno e manter os melhores processos de administração.

            Quer alguns exemplos básicos de ações que podem amadurecer a gestão sustentável de uma empresa? Veja:

  • Opere com ética e transparência nos negócios;

  • Valorize os seus colaboradores e trate-os com respeito e dignidade;

  • Trabalhe com fornecedores que operem de forma ética e responsável;

  • Proteja o meio ambiente natural, identificando, tratando e mitigando os impactos ambientais e sociais decorrentes das suas atividades.

  • Não corte a vegetação do seu imóvel sem a devida autorização do órgão ambiental.

  • Cuide dos recursos hídricos existentes na sua propriedade;

  • Gerencie suas finanças precisamente;

  • Realize ações de marketing e propaganda dos seus serviços de maneira responsável;

  • Responda à comunidade e aos grupos de interesse com as questões as quais eles se preocupam e as quais afetam seu desenvolvimento e bem-estar;

  • Faça ações para melhorar as condições da sua comunidade;

  • Gere valor na condução dos negócios de seu clube para seus clientes, acionistas, colaboradores e para a sociedade;

  • Promova vagas de trabalho com boa remuneração, bons benefícios, bem como estimule o bem-estar de seus colaboradores, não esquecendo de ponderar a diversidade nas suas contratações;

  • Apoie o voluntariado entre os colaboradores;

  • Inove na forma de gerir sua empresa, a fim de buscar modelos mais enxutos, limpos e inteligentes e para trazer soluções para os problemas presentes e futuros.

            Reflita sobre estas questões na hora de planejar e gerir uma empresa. O conceito hoje adotado em todas as organizações, desde as pequenas até as grandes, não considera apenas as questões econômicas, mas também as sociais e as do meio ambiente, fazendo que com a sua estratégia passe a coincidir com os interesses de todas as partes interessadas da sua organizações, sobretudo da sociedade.  

Comentários: